Curiosidades

Uma coisa ou outra que a história não contou...


A carta de Pedro...
Para quem ainda tem curiosidade...


Léo,

Sei que está pensando que te odeio, e confesso que desejei isso com todas as forças esses últimos dias, pois seria tudo infinitamente mais fácil. Mas a verdade é que meu amor por você sequer diminui, tampouco desacredito do seu, mesmo depois do que aconteceu. De fato, nem eu sei explicar o motivo, portanto não me peça para fazê-lo.
Eu precisei escrever para me despedir porque não conseguiria te dar adeus pessoalmente. Tive receio que algum gesto seu me fizesse mudar de ideia, e isso eu não posso me permitir.
Existe uma infinidade de razões para eu estar partindo para Itália só agora e não daquela vez, quando a proposta surgiu ainda lá em Desiderata, mas posso dizer que a principal é bem óbvia: não estou sabendo lidar com essa coisa de você ter dormido com o Yuri. Não ainda, e me desculpe por não usar as palavras que talvez você julgue adequadas para isso, é algo que também não consigo.
Tudo que vem a minha cabeça é que você acabou fazendo a escolha certa, o Yuri é o cara perfeito pra você... Um sujeito que sempre surge do nada, sem nem ser chamado, toda vez que você precisa... Parece uma ligação... Sei lá! Cósmica?! Se é possível lutar contra isso, Léo... Eu ainda não me sinto preparado. Acho que no fundo eu sempre soube, só não queria admitir. Vê-la tão entregue nos braços dele, apenas me deu a certeza de que você ficaria bem. Sim, eu estive lá e vi, e discuti com o Yuri. Ele já deve ter te contado, claro! Tentei ser corajoso o suficiente para seguir o conselho que ele me deu, mas quando te encontrei em casa aquela noite percebi que não conseguiria nem te tocar. Imaginar vocês dois... bem... queimou minhas entranhas e na sua confissão não havia um sinal de arrependimento. Não estou querendo te condenar por isso e nem poderia, porque sei que você também o ama.

Eu não espero que você me entenda. Eu não espero absolutamente nada, portanto peço que também não crie nenhuma expectativa. Preciso colocar meu coração e minha razão em sintonia, porque não quero de jeito nenhum magoar ainda mais você, mas não quero me magoar mais também.

“All the pictures have all been washed in black, tattooed everything
All the love gone bad turned my world to black
Tattooed all I see, all that I am, all that I'll be, yeah

I know someday you'll have a beautiful life, I know you'll be a star
In somebody else's sky, but why, why, why
Can't it be, can't it be mine?”

Você não gosta, né? Acho que não... Essa música do Pearl Jam sempre foi o seu toque no meu celular. Até hoje.


Pedro




14 comentários:

  1. Espero responder coisas que desejam saber e não foram contadas! Deixe sua curiosidade aí...

    ResponderExcluir
  2. Posso perguntar se vc pode usar, por gentileza, aquele telefone e ligar pra dona Morte? #não precisa responder e muito menos me mandar pra qualquer lugar que seja kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk #parei com o momento bobeira


    Sofri com a morte do Yuri, FATO! e eu tinha curiosidade para saber sobre a carta, obrigada por nos contar ^.^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De nada, Deh! Tendo alguma outra, só falar...

      Bjks!

      Excluir
  3. Quero uma história com o Yuri Jr de protagonista! *-*
    Eu sei que não é uma curiosidade, mas precisava falar!

    Saudades etenas do meu perfeito YURI!
    Beijo :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, que mal educada eu sou. Só penso no Yuri, e nem falei da carta...
      Você nem é tão má paulinha, só estava deixando pro final. rs'

      Pedro, tudo que você disse aí do Yuri eu concordo. Ele realmente é o cara perfeito. u.u' Mas agora você já pode ficar feliz, afinal, o destino sempre esteve ao seu lado. Mesmo assim eu admiro você, pois mesmo com as circunstancias, você está cuidando e amando o bem mais precioso o Yuri deixou. O pequeno Yuri. : )


      Obrigada por mostrar a tal carta para nós Paulinha!
      Beijinhos :*

      Excluir
    2. Ixi, mas aí tem que esperar ele crescer, não é? Hehehe, nunca pensei nisso, mas também nunca descarto nada.

      Bjks, queridona!

      PS: Eu também concordo que o Yuri era perfeito pra Léo!

      Excluir
  4. A carta! Paulinha, te confesso que, com todos os acontecimentos seguintes, nem mesmo me lembrava dela, mas foi bom ver o lado do Pedro sem ser disfarçado por toda aquela revolta com que ele falava com o Yuri e que era nossa única fonte.
    Ansiosa por mais curiosidades ou por fotos extras. *-* Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, pode começar a pedir! =P

      Bjks!

      Excluir
  5. A carta *---* Eu não tinha esquecido dela, mas achei que você seria malvada e nunca nos mostraria Paulinha! kkkkk'
    Foi realmente muito bom poder ver melhor o lado do Pedro! Na verdade passei a história toda tentando fazer isso, mas com o Yuri narrando era mais difícil... Podemos mesmo dizer que meu Pedro amadureceu demais *-*

    Muito ansiosa também pelas próximas curiosidades e fotos >.<
    Beeeijos ;**

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando temos um narrador na primeira pessoa é difícil ter outra visão, não?
      Como vocês conheceram o Pedro antes, é um pouco mais fácil! ;]

      Digam! Eu não sou adivinha, e minha memória é péssima, deram sorte que me lembrei da carta... Hehehehe

      Bjks!

      Excluir
  6. Vc acredita que na hora que vi no face que vc tunha colocado: faça suas perguntas de alguma coisa que nao foi contada na historia, a 1ª coisa que eu lembrei foi essa cartaa.. Juro! Nem acreditei na hora que eu abri o blog e vi!!
    Obrigado por nos mostrar.. Eu amo mesmo esse Pedro..!
    Beijos**

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra mim foi a única! Hehehehe
      Se quiserem mais vão ter que me pedir! =P

      Bjks!

      Excluir
  7. Respostas
    1. Não, Elisa. Yuri morreu no dia seguinte ao que soube que seria pai, a caminho da clínica onde encontraria Léo, para o primeiro exame de ultrassonografia...

      Bjks

      Excluir

Diga lá...